25 setembro 2017

Postalinho da Croácia - 4

"No batistério (divisão aonde está a pia baptismal) da Catedral de Šibenik, o magistral trabalho em pedra...



... atrai toda a atenção dos turistas, que nem reparam no ar preocupado de um anjo na base da pia baptismal...


... que fica perfeitamente justificado quando vemos o que outro anjo lhe está a fazer."
Paulo M.


«Pleasure is back» (o prazer está de volta... nas costas)


Homedics 3 _ Pleasure is back from edwin herrera on Vimeo.


Homedics 2 _ Pleasure is back from edwin herrera on Vimeo.


Homedics 1 _ Pleasure is back from edwin herrera on Vimeo.

«Ele reclamou...» - Cláudia de Marchi

(...)
Depois conversamos um pouco e ele reclamou, como muitos, da falta de espontaneidade e entrega das outras mulheres, inclusive das existentes no site onde ele me encontrou. Uma pena! Não adianta: se você quer ser bom em algo tem que gostar do que faz, não apenas do lucro. A ambição e falta de apetência e talento gera um trabalho medíocre. E quem ama o que faz se diverte fazendo, não é!? Digamos que eu seja assim com o sexo, meu trabalho. Assim como já fui com o magistério e advocacia dos quais desisti por decepções.
Decepções que minha atual carreira não gera: não tenho colegas, ou melhor, não convivo com elas, não sei se existe “competição” eu só “compito” comigo mesma: fazer hoje um oral melhor que ontem e assim por diante! Fora outras coisas que quero me aprimorar para fazer. Todavia, faço o que faço pelo meu prazer, o do outro vem consequentemente!
(...)

Simone Steffani - acompanhante de alto luxo!

Menu de sacrifícios

Crica para veres toda a história
A câmara de magma


2 páginas

(cricar em «next page»)

23 setembro 2017

«casas» - Susana Duarte

somos casas desenhadas
no confim dos ossos,

assombradas
pelos braços incandescentes
da solidão
das águas

somos braços de um céu
cujo azul não se demora,

assombrada a aurora,
e os amanheceres
do corpo

somos casas desossadas
quando o inverno
nelas mora,

assombradas pelo riso
ilusório
das bocas

somos tudo, somos nada,
vazio que se preenche
no encontro prenhe
dos olhos,

no encontro dos dedos,

e nos fantasmas
anódinos
das viagens
das palavras

somos casas abandonadas,
residentes nos uivos
migratórios
das solidões anteriores,

braços erguidos
na procura do conforto
do riso

Susana Duarte
Blog Terra de Encanto
Facebook

A apanha da fruta

Pratinho de Setembro, da série «meses do ano» dos namorados de Peynet. Ela ajuda-o enquanto ele colhe uma peça de fruta que representa um seio. Rosenthal Studio Line.
Junta-se a muitas outras peças, livros e ilustrações de Raymond Peynet, na minha colecção.








A colecção de arte erótica «a funda São» tem:
> 1.900 livros das temáticas do erotismo e da sexualidade, desde o ano de 1664 até aos nossos dias;
> 4.000 objectos diversos (quadros a óleo e acrílico, desenhos originais, gravuras, jogos, mecanismos e segredos, brinquedos, publicidade, artesanato, peças de design, selos, moedas, postais, calendários, antiguidades, estatuetas em diversos materiais e de diversas proveniências, etc.);
> muitas ideias para actividades complementares, loja e merchandising...

... procura parceiro [M/F]

Quem quiser investir neste projecto, pode contactar-me.

Visita a página da colecção no Facebook (e, já agora, também a minha página pessoal)

Postalinho das Autárquicas 2017 - 12

"Arranhó porque é Rijo?!"
Paulo M.


22 setembro 2017

«Porra» - Porta dos Fundos

Ideia genial de negócio! Um verdadeiro nicho de mercado!


«Lavou, Tá Novo - Episódio 06: “Cinco contra um...”» - Humores Urbanos

Todos estão morando faz um mês no apartamento de Leonardo. E claro, todos estão contra ele e contra si mesmos.

Afinal, sozinho é que podemos nos divertir mais.

Carta de amor de um sócio a uma dama - Ruim

Dama Jéssyca…

Sabes como é difícil para um sócio escrever. Mas é mesmo, são muitas letras pegadas umas às outras para fazer palavras que constroem frases. Paresse que estou nas obras. Dama Jésska, eu amo-te tipo bué. Tu sabes diço. Já diçe iço tipo bué vezes a todas as damas que ando a pitar quando não estás ao pé de um sócio. Mas tu és únika mulher. A TVI devia ter dado o teu nome à novela, entendes? Hoje é dia dos namorados e eu tenho algo para te oferesser. Foi algo que kustou muito… ao gajo que comprou e que eu fezei ali à saída do Rio Çul. É um relógio de homem, mas eu mergulhei num balde de tinta rosa. Também fezei esse balde a um casal que ia pintar o quarto para a filha ressém-naxida. A vida é f#dida e é para essa mini-dama ficar logo a saber isso desde canuka quando olhar para as paredes brancas do quarto. Dama Jéssyka, mexmo que não tenhaz prenda… não faz mal. Porque o que intereça é o que centimos…. os dois… quando eu te papar o ass logo à noite. Dama, eu sei que isso é pedir muito a uma dama, mas depois do Jaílson, do Wilson, do Ricardão, do Petit Patapon, do Camolas, do Camané, do Zé e do cão do Zé, também eu axo que podias ser feliz atrás com um sócio. Oje quando chegares ao cubico de um sócio, segue o rasto de pétalas das flores de plástico que fezei do Espasso Kasa e anda ter ao quarto. Tira as tuas leguines tigresa que tanta inveja causam no bairro e deixate levar pela loucura de uma noite. Não tenx de te preocupar com dores, porque eu trouxe parassetamol… que também fezei. Só não estou a perceber porque é que tenho de os meter no cu para não te aleijar a ti. Só por percaussão, pedi ao meu tropa Ruim que mandace vir umas ssenas da net. Xegou hoje pelos correios um ANAL LUBE HOT CANELA da Secret Glamorous Sex Shop. O boy dice que vais ficar com o rabo a cheirar a arroz doce no final.
Dama, poço te ir hoje à badana?
Eternamente teu e da Segurança Social...

Um sócio.

Disponível na Secret Glamorous Sex-Shop em secret.pt. Usem o promocode “RUIM” na compra de qualquer artigo e usufruam de um desconto imediato de 10%.
Este post teve o apaixonado patrocínio da Secret Glamorous Sex Shop.
“Secret.pt - porque a solidão aguenta-se melhor com um dildo metido no rabo"

Ruim
no facebook

21 setembro 2017

Postalinho do Luxemburgo

"Expositor do Museu de História e de Arte da cidade do Luxemburgo.
Período de ocupação romana.
Os habituais símbolos de boa sorte/fertilidade e um curioso «Ménage à trois»."
Lourenço M.



Mulher no topo de um relógio… inexistente

Suporte em porcelana para relógio de mesa, com mulher com um seio desnudado, a segurar numa harpa.
O erotismo do vazio do tempo... na minha colecção.




















A colecção de arte erótica «a funda São» tem:
> 1.900 livros das temáticas do erotismo e da sexualidade, desde o ano de 1664 até aos nossos dias;
> 4.000 objectos diversos (quadros a óleo e acrílico, desenhos originais, gravuras, jogos, mecanismos e segredos, brinquedos, publicidade, artesanato, peças de design, selos, moedas, postais, calendários, antiguidades, estatuetas em diversos materiais e de diversas proveniências, etc.);
> muitas ideias para actividades complementares, loja e merchandising...

... procura parceiro [M/F]

Quem quiser investir neste projecto, pode contactar-me.

Visita a página da colecção no Facebook (e, já agora, também a minha página pessoal)

«Meu pau» - Adão Iturrusgarai


19 setembro 2017

«silêncio» - Susana Duarte

revejo o sibilar da noite

em cada uma das estrelas

que encheram de sonhos

os dias antigos. nesse

silêncio cadenciado

de sons fortuitos,

revivo os braços

e os lábios

amadurecidos

pela paixão dos corpos

outrora vazios, ora cheios

de luar em cada curva.

Susana Duarte
Blog Terra de Encanto
Facebook

Postalinho da Suiça


Agente mobiliário


"Sou heterossexual mulher"
Primo Resmungão

Isto não envolve armários, pois não?

Sharkinho
@sharkinho no Twitter

«Ex Libris Baco - reserva 2012»

Garrafa de vinho tinto numerada (nº 17.306 de um total de 18.910), com uma gravura de uma orgia no rótulo e na rolha de cortiça.
Oferta do Alexandrino Costa para a minha colecção.












A colecção de arte erótica «a funda São» tem:
> 1.900 livros das temáticas do erotismo e da sexualidade, desde o ano de 1664 até aos nossos dias;
> 4.000 objectos diversos (quadros a óleo e acrílico, desenhos originais, gravuras, jogos, mecanismos e segredos, brinquedos, publicidade, artesanato, peças de design, selos, moedas, postais, calendários, antiguidades, estatuetas em diversos materiais e de diversas proveniências, etc.);
> muitas ideias para actividades complementares, loja e merchandising...

... procura parceiro [M/F]

Quem quiser investir neste projecto, pode contactar-me.

Visita a página da colecção no Facebook (e, já agora, também a minha página pessoal)