Eva portuguesa - «Mal amados»

Meu Deus! Que tristeza ver a quantidade de seres sós, frustrados e mal amados que habitam esse mundo! Gente triste e infeliz que não consegue sequer ver a felicidade alheia! Gente tão pequenina e pobre de espírito que tenta a todo o custo infernizar a vida alheia... em vez de se preocuparem em alcançar a sua própria felicidade. Vejo isto em Lisboa e, infelizmente, já vi desta vez em tão pouco tempo aqui no Porto. Tipos do fórum que ligam para insultar, um que oferece uma prenda e depois quer descontar do valor do convívio, "homem" com voz efeminada e ligando de um telemóvel pertencente a uma mulher, que quer apenas saber todos os pormenores e fazer falsas marcações... 
E eu penso: meu Deus, coitados! Que vida triste devem ter! Porque, verdade seja dita, pessoas bem resolvidas e de bem com a vida, não infernizam a vida alheia. E uma máxima que eu adoro, meninos, e podem reter: "más línguas falam mal; boas línguas provocam orgasmos!" :-)

Eva
blog Eva portuguesa - porque o prazer não é pecado

Comentários