27 dezembro 2018

«O som do Amor» - Áurea Justo

Sons bíblicos desprendem-se do violino
Soltam-se com eles pedaços da minh'alma
Alma de poeta que declama um hino
Os coros são gigantes que trazem a calma.

A calma necessária para silenciar a minha dor
Nestes sussurros lancinantes que se desprendem
Do fundo do meu âmago sem fundo e sem cor
Impacto arrebatado por risos de corpos que desmentem.

Desmentem a vibração destes sons bíblicos
Desmentem os pedaços da alma que se soltam
Ah! Como eu queria erguer a voz e cantar idílicos
Ah! Como eu queria tocar sentimentos que por aí se contam!

In Diário Da Minha Vida

Áurea Justo
no Facebook


Sem comentários:

Publicar um comentário

Uma por dia tira a azia