15 agosto 2019

«Tenho fome» - Áurea Justo

"Tenho fome da tua boca, da tua pele, do teu corpo, do teu membro erecto.
A atracção que tenho por ti não é meramente sexual.
Tenho fome do teu sorriso, do teu olhar, dos teus gestos, das tuas carícias.
Tenho fome de me entregar a ti de corpo e alma intensamente, sem pudor.
Quero-te!"

In Até À Eternidade Amélia
Edição esgotada

Áurea Justo
no Facebook


Sem comentários:

Publicar um comentário

Uma por dia tira a azia